Elefante arromba parede de cozinha para roubar comida na Tailândia

Um elefante faminto destruiu a parede da cozinha de uma família tailandesa no meio da noite e conseguiu furtar alimentos.

Um elefante arrombou a parede da cozinha da casa de uma família tailandesa no meio da noite para comer sua comida.

“Estávamos dormindo e acordamos com um som dentro de nossa cozinha”, disse Ratchadawan Puengprasoppon, morador do distrito de Hua Hin, na província de Prachuap Khiri Khan. “Então corremos escada abaixo e vimos um elefante enfiar a cabeça na nossa cozinha, onde a parede estava quebrada.”

“Foi engraçado ver o elefante daquele jeito, mas também estou preocupad0 que ele possa voltar novamente”

O fiasco aconteceu por volta das 2 da manhã, quando a estupefata residente Phungprasopporn e seu marido foram supostamente acordados por um barulho estranho. Eles correram para a cozinha para ver o que estava errado, e então viram um elefante asiático com presas gigantes remexendo em sua despensa com sua tromba. A certa altura, o paquiderme furtador chegou a roubar um saco de arroz, que enfiou na boca.

Felizmente, o marido de Rachadawan estava presente para espantar o intruso, que desapareceu na floresta.

O morador disse que o muro novo vai custar cerca de US$ 1.500 para consertar e que infelizmente não é o primeiro confronto do ousado dumbo com pessoas.

Mudança de hábitos alimentares dos elefantes

O culpado colossal, aparentemente famoso por fazer travessuras, “veio até minha casa há cerca de dois meses e estava dando uma olhada”, de acordo com o proprietário ofendido. Felizmente, ele não danificou nada dessa vez, disse ela.

Phungprasopporn, desde então, relatou o roubo bizarro aos funcionários da vida selvagem, que os aconselharam, ironicamente, a manter a comida fora da cozinha porque o cheiro atrai elefantes.

“A explicação mais provável para esta situação é que o elefante sentiu o cheiro da comida e quis comê-la”, disse o agente conservacionista Supanya Chengsutha.

E embora o arroz embalado possa parecer um item estranho para um elefante gostar, Chengsutha explicou que os “hábitos alimentares da espécie mudaram” à medida que cada vez mais entram em contato com humanos.

“Eles começaram a gostar da comida que as pessoas comem”, acrescentou ele sobre os animais selvagens, cujo número chega a 2.000 na Tailândia.

Este ladrão gigante não é o único elefante causando estragos em humanos. Um rebanho de paquidermes rebeldes recentemente se tornou viral por percorrer mais de 480 quilômetros pela China, forçando cidades inteiras a evacuarem e causando prejuízos econômicos no valor de milhões de dólares.

Elephant rams through kitchen wall to swipe Thai family’s food | New York Post

Fonte: nypost

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais lidas

Recentes